Nouve é a atração escolhida de Cajazeiras

 

nouve site

 Depois do pop da Giramente (Camaçari), do rock da Efeito Manada (Alagados), do rap do Os Agentes (Sussuarana), o pop do O Terreiro (Plataforma) e o afro do Preto Sábio (Engenho Velho de Brotas), em Cajazeiras o carismático Nouve despontou ao rock da Tertúlia e o ritmo latino da Marana. A escolha foi feita na última sexta-feira, dia 20, no Colégio D. Leonor Calmon. O Festival da Música Ilimitada é promovido pela Odò Produção Cultural, com o patrocínio da TIM e do Governo do Estado da Bahia, através do Programa Estadual de Incentivo ao Patrocínio Cultural, FAZCULTURA.

A Nouve é comandada pelo MC Elimar Pereira Santos e pelo DJ Anderson Augusto Pereira dos Santos. A dupla atua a pouco mais de seis anos. Elimar Santos "Nouve" lançou o primeiro EP "Respirando a arte" há três anos. Este trabalho lhe rendeu mais de nove mil cópias vendidas no corpo a corpo. O lançamento desse EP, que foi produzido em São Paulo-SP por Tiago Munhoz (ContraFluxo/Mamelo SoundSystem) e pelo DJ Willian, alavancou os trabalhos de "Nouve" e foi uma porta de entrada dele no cenário nacional. Com o disco, ele se apresentou em shows e festivais com grandes nomes do Rap Nacional como Emicida, Kamau, Versu2, Lívia Cruz e Max BO em vários lugares do Brasil, dentre eles Alagoas, Pernambuco e São Paulo.

Das mostras serão classificadas dez bandas que serão submetidas à votação popular, através da internet, que escolherá um representante. Outras cinco serão indicadas por um júri formado por renomados profissionais da música baiana. Entre os critérios de seleção, os jurados avaliarão interpretação, qualificação técnica do grupo, mérito artístico, autoralidade, originalidade e performance de palco.